19°C 33°C
Independência, CE
Publicidade
Anúncio

Professores da UFC, UFCA e Unilab decidem encerrar greve após dois meses

Decisão foi tomada em assembleia geral, onde os docentes condicionaram o fim da greve à assinatura de um acordo com o governo federal, previsto para julho

21/06/2024 às 16h25
Por: Redação Fonte: GCMAIS
Compartilhe:
Foto: ADUFC/Divulgação
Foto: ADUFC/Divulgação

Na manhã desta sexta-feira (21), os professores das universidades federais do Ceará (UFC, UFCA e Unilab) decidiram pelo fim da greve que durava dois meses. A decisão foi tomada em assembleia geral, onde os docentes condicionaram o fim da greve à assinatura de um acordo com o governo federal, previsto para julho. Servidores e técnicos do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE) também optaram pelo término da paralisação.

 

Durante a assembleia realizada em Fortaleza, 107 votos foram favoráveis e 58 contrários ao encerramento da greve. A decisão será encaminhada ao Comando Nacional de Greve do ANDES-Sindicato Nacional, que representa a categoria nas negociações com o Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos.

 

De acordo com a ADUFC, embora as propostas do governo federal tenham sido consideradas limitadas, algumas conquistas foram alcançadas, como o reconhecimento da educação como um setor relevante para o governo.

 

Os docentes, em greve desde 15 de abril, reivindicavam reajustes salariais com base nas perdas acumuladas desde 2010. A Mesa Nacional de Negociação Permanente foi instaurada somente após o início da greve.

 

Pontos principais da proposta do governo federal

 

:Reajuste salarial de 12,5%, sendo 9% pago em janeiro de 2025 e 3,5% em abril de 2026.

– Alteração da redação da IN n. 66/2022 para assegurar retroatividade de efeitos funcionais e financeiros, desde que o pedido seja feito em até 6 meses.

– Criação de três grupos de trabalho para discutir: reenquadramento de aposentados; reposicionamento dos professores que já estão na carreira e fizeram novos concursos e que perdem a progressão anterior; e revogação da IN n. 15/2022, que trata de adicionais ocupacionais, como insalubridade.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Independência, CE
27°
Tempo limpo

Mín. 19° Máx. 33°

27° Sensação
2.16km/h Vento
37% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
05h51 Nascer do sol
05h41 Pôr do sol
Seg 33° 21°
Ter 33° 19°
Qua 34° 18°
Qui 33° 19°
Sex 34° 20°
Atualizado às 18h02
Publicidade
Anúncio
Publicidade
Anúncio
Economia
Dólar
R$ 5,43 +0,00%
Euro
R$ 5,93 +0,00%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,05%
Bitcoin
R$ 352,007,11 +6,19%
Ibovespa
128,896,98 pts 0.47%
Publicidade
Anúncio
Publicidade
Anúncio
Publicidade
Anúncio
Publicidade
Anúncio
Lenium - Criar site de notícias